Tonight Alive: como foi o primeiro show dos australianos em solo brasileiro

Publicado em: segunda-feira, 31 de outubro de 2016

A banda que mistura rock, pop, punk rock, entre outros -  nunca gostei desses rótulos - iniciou a sua mini-turnê brasileira por Porto Alegre no último sábado, dia 29 de outubro, no Tabu 386, onde era o antigo Garagem Hermética.

Abre aspas, essa é a primeira vez que o quinteto toca no país, e a capital gaúcha teve o privilégio de ser a primeira cidade que a banda australiana passou e como falou a vocalista para sempre a cidade fará parte da história deles.

Aliás a frontwoman interagiu com o público diversas vezes, e arriscou com êxito algumas frases em português. Mostrando-se, assim como toda a banda, muito feliz com a recepção que tiveram na capital.


Jenna McDougall (vocal), Whakaio (guitarra), Cameron Adler (baixo), Jake Hardy (guitarra) e Matt Best (bateria) apresentaram, durante pouco mais de uma hora, um apanhado que contou com músicas mais antigas e músicas mais novas que agradaram todos os fãs presentes, que não chegaram a lotar a casa de shows. No popular, azar de quem não assistiu, por que bem como Jenna falou a troca de energia que aconteceu alí foi única.

No setlist, hits do álbum debut da banda "All Shapes and Disguises" de 2010, "What Are You So Scared Of?" de 2011, "The Other Side" de 2013, além das principais músicas do novo álbum "Limitless", que dá nome a atual tour mundial da banda, lançado no corrente ano. (Veja abaixo)

Carisma, presença de palco, postura, beleza e uma voz incrível que preenchia todo o ambiente. Que voz!!! Afinadíssima, cheia de personalidade.

Jenna é única, mostra bem as suas influências, pra lá de ecléticas, que vão desde  Alanis Morissette, Avril Lavigne, Led Zeppelin, Rage Against The Machine, e por aí vai.


Uma das coisas que chamou atenção durante a performance da banda australiana foi que o público, formado na sua grande parte por adolescentes e jovens na faixa de 20 à 25 anos, cantou todas, repito, todas as músicas com a banda, inclusive as músicas do àlbum mais recente lançado em 2016.

Para quem não se encaixa no público acima citado, assim como eu, só tenho uma coisa a dizer, deixe o preconceito de lado e na próxima vez que a Tonight Alive tocar por aqui, assista e depois me fala o que achou, combinado?

Setlist:

To Be Free
Lonely Girl
Don't Wish
Wasting Away
The Ocean
The Fire
-Acoustic-
Human Interaction
Drive
What Are You So Scared Of?
Listening
The Edge
How Does it Feel
Breaking & Entering


Depois de ver a trupe ao vivo, me vem na mente aquela expressão, "quem sabe faz ao vivo" e eles mostraram que são uma banda real e não de estúdio. Aí se entende como uma banda relativamente nova, formada em 2008, vem percorrendo o mundo,  colecionando cada vez mais fãs, tem milhões de views no Youtube, têm álbuns extremamente elogiados pela crítica especializada com tanto pouco tempo de estrada.

Óbviamente que a música "The Edge" entrar na trilha sonora do filme “O Espetacular Homem-Aranha 2: A Ameaça de Electro” em 2014 fez a banda se tornar conhecida para o grande público, mas sem o talento de todos os seus integrantes, que os privilegiados que compareceram no Tabu neste sábado puderam comprovar, a banda não teria vingado. Ouso dizer que "Limitless" supera seu antecessor.

Espero que o quinteto não demore para retornar ao país.

A banda se apresentou também em São Paulo, ontem no Hangar 110.








Fotos: Sônia Butelli

Agradecimentos à Red Sky Produtora e Re-paginada pelo credenciamento.

Veja mais fotos do show.






Leia matéria no Whiplash.Net

0 comentários:

Postar um comentário