Poa Jazz Festival: reúne 2,5 mil pessoas em um fim de semana de música instrumental na capital

Publicado em: segunda-feira, 23 de janeiro de 2017
Crédito: Eduardo Quadros
Antes de se apresentar com seu quarteto no domingo, Jorginho do Trompete subiu ao palco do festival no sábado para fazer uma participação especial no show de Alegre Corrêa Grupo

O Poa Jazz Festival fez a cidade pulsar neste fim de semana. Em sua terceira edição, o projeto recebeu um público animado de 2,5 mil pessoas durante as três noites de shows que movimentaram o Centro de Eventos do BarraShoppingSul. Mais de 30 artistas subiram ao palco do festival nas nove apresentações realizadas na Capital.

 “O festival, neste ano, se consolidou como um evento do qual a cidade e os músicos se apropriaram. O fato de ele ter sido transferido de outubro para janeiro não abalou em nada a confiança do público que tem comparecido de uma forma que nos confirma que estamos no caminho certo, fazendo um evento com uma mostra musical significativa, com artistas gaúchos, nacionais e internacionais de qualidade, mas também com desdobramentos importantes como os debates e as masterclasses promovidas, já que a educação também é uma parte fundamental do evento”, analisa o curador Carlos Badia.

 “A vibração da plateia deixou muito evidente a qualidade artística que desfilou no palco do Poa Jazz Festival. As pessoas, em sua grande maioria, ficaram no evento até o último minuto do último show”, destaca o coordenador executivo Ralfe Cardoso. “A força da terceira edição confirma que a quarta vem aí”, completa ele.

A programação musical começou na sexta-feira com o encontro dos violonistas Paulo Bellinati e Marco Pereira, seguido do duo de baixo e piano de Marcos Paiva & Daniel Grajew e da apresentação do trio formado por Rodolfo Stroeter, André Mehmari e Tutty Moreno com participação especial de Mônica Salmaso.

 No sábado, o público lotou o espaço para ver três atrações gaúchas com renome internacional: o grupo Kula Jazz, o guitarrista Julio Herrlein com seu quarteto e também Alegre Corrêa que levantou a plateia depois de uma lacuna de anos sem se apresentar no Estado.

 O último dia de festival, no domingo, começou com os paulistas do Mani Padme Trio, que fizeram seu primeiro show na Capital, seguido dos argentinos Adrián Iaies e Rodrigo Agudelo com dueto de piano e guitarra, e de um encerramento animado com o porto-alegrense Jorginho do Trompete com seu quarteto.

O projeto 3° Poa Jazz Festival teve realização do Ministério da Cultura, através da Lei Rouanet, e da Traga Seu Show. Contou com financiamento do Pró-cultura RS – Governo do Estado do Rio Grande do Sul e planejamento cultural da Um Cultural. Teve patrocínio máster da Vivo, patrocínio de Banrisul Consórcios e DuFrio e copatrocínio da TFL. Também contou com apoio institucional da Prefeitura de Porto Alegre e apoio de BarraShoppingSul, Estação Filmes, Instituto Goethe, Rádio União FM, StudioClio, Tango – Gravações em Movimento, Tape Motion e Visitors Bureau.

Enviado por Agência Cigana

0 comentários:

Postar um comentário