KERNUNNA: novos sons e clássicos do Tuatha de Danann

Publicado em: quarta-feira, 13 de junho de 2012

Com a paralisação das atividades do Tuatha de Danann em 2010, a cena metálica brasileira perdeu uma das bandas mais talentosas do país. No entanto, os “duendes mineiros” investiram em outros projetos expressivos dentro do Heavy Metal. Um desses grupos, o Kernunna, faz sua estreia ao vivo no próximo sábado (16), na 14ª expedição do Roça ‘n’ Roll.

O Kernunna foi formado por Bruno Maia (vocal, guitarra, flautas, banjo, bouzouki e bandolim) e traz na formação músicos de referência nacional como o multi-instrumentista Khadhu (Cartoon) nos vocais, baixo, violão cítara e esrai; o gaiteiro Alex Navar (Braia) na uilleann pipes, tin e low whistle; a violinista Daiana Massa (Marcus Viana e Transfônica Orkestra); o guitarrista Júlio Andrade (Braia); o tecladista Edgard Brito e o baterista Rodrigo Abreu (ambos do Tuatha de Danann).
A musicalidade é a união entre música Celta, Heavy Metal e Rock Progressivo. “Usamos instrumentos típicos da música tradicional como uilleann pipes(gaita de fole irlandesa), flautas irlandesas, banjo, violinos, além de instrumentos de música indiana como cítara e esraj e claro, as distorções e peso do Heavy Metal”, explica Bruno Maia.
O nome da banda veio de uma variação do nome do deus celta Cernunnos (também chamado de Kernunnos e Hu Gadarn). Na tradição celta, essa divindade era ligada à natureza, aos animais, à virilidade e a abundância.
De acordo com Bruno Maia, o Kernunna pode ser considerado como uma continuação do Tuatha de Danann. “Mantemos alguns elementos consolidados pelo Tuatha, mas as músicas estão mais trabalhadas e com dois vocalistas principais, isso é um diferencial em relação ao trabalho anterior”, destaca. Para o músico, esse diferencial se deve à versatilidade dos músicos. O belo-horizontino Khadhu é membro do Cartoon, uma das melhores bandas de Rock Progressivo do Brasil. O carioca Alex Navar  (Braia) possui grande experiência em música irlandesa. A violinista mineira Daiana Massa integra a Transfônica Orkestra do compositor Marcus Viana. O guitarrista Júlio Andrade (bandolim, bouzouki e vocal) foi roadie do Tuatha e integrante do Braia. O tecladista Edgard Brito e o baterista Rodrigo Abreu trouxeram toda vivência adquirida no Tuatha de Danann para o Kernunna.

O repertório da banda no Roça ‘n’ Roll vai abordar composições próprias como Póg Mo Thóin, The Keys to.Given! e Kernunna. O set list destaca também as músicas Dance Of The Little Ones, Tan Pinga Ra Tan, The Last Words e Tir Nan Og (The Land Of Youth), todas clássicas do Tuatha de Danann.

Além da estreia do Kernunna, a programação do sábado (16 de junho), destaca shows com as bandas Samael (Suíça), Grave (Suécia), Dr. Sin, Shaman, Carro Bomba, Dominus Praelii, Lothlöryen, Goatlove, Nervosa, DZK, Maestrick, Tormento, Motosserra Truck Clube, Demonic War Front, Deadliness, Magika, Reviolence e Svartland.

O Roça ‘n’ Roll 2012 conta com o apoio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura, do Governo de Minas Gerais, da Prefeitura Municipal de Varginha, da Fundação Cultural do Município de Varginha, do COMIC – Conselho Municipal de Incentivo à Cultura, da Lei Municipal de Incentivo à Cultura, patrocínio da Speed Life Energético, Fruty Refrigerantes e  Autotrans, apoio cultural da Roadie Crew, Consulado do Rock, Meteoro Amplifier, Programa Combate,  W Outdoor, Castelli Romani, Rádio Clube, K2 Lanches, Paranoid Records, Lady Snake, Tendas Online, Castelar Novo Hotel,  Via Cabo, Espaço Livre, Frigorífico São Francisco e Chromos Design.




0 comentários:

Postar um comentário